UPA de Crateús encerra contrato com camilianos

A Unidade de Pronto Atendimento de Crateús (UPA) de Crateús, encerrou neste mês de agosto, o contrato de cinco anos com a administração da Sociedade Beneficente São Camilo, os populares camilianos. De acordo com o diretor da Sociedade, Marcos Granemann, o município fará uma nova licitação para dar continuidade do funcionamento da UPA. 

"O município já publicou o edital, que é direcionado para empresas que tem o perfil diferente da São Camilo, que são as OS's [Organização Social], que é um outro tipo de entidade. Teoricamente, não temos como participar dessa licitação, que é outro perfil", afirmou o gestor a reportagem nesta quarta-feira (11).

O fim do contrato com a entidade acarretará o fim de contratos com profissionais, sendo que novos deverão serem contratados com a empresa vencedora.  "É provável que outra empresa/entidade assuma e nós temos que faze a entrega da UPA", concluiu Granemann.

NATHAN LOIOLA

Postar um comentário

0 Comentários