Dois morrem e confronto com o Raio em Santa Quitéria

Diogo dos Santos Almeida, 24 anos e Natiel Oliveira Pereira, 17 anos, morreram durante confronto com policiais do Raio neste domingo, 27.

Os policiais estavam em patrulhamento de rotina quando abordaram uma mulher de nome “Oderlene” que afirmava residir em Nova Russas, e os policiais já haviam sido informados que havia uma mulher deste município. Ao ser questionada, ela teria afirmado que estava com dois homens em um apartamento onde a mesma residia e afirmou que eles possuíam armas, se predispondo a indicar o local dessa residência.

Os policiais foram a residência, nada encontraram, mas avistaram os dois elementos adentrando ao matagal, sendo feito o cerco, onde os mesmos saíram do matagal atirando contra a composição, sendo revidados e atingidos.

A dupla foi socorrida ao hospital municipal de Santa Quitéria, sendo que um chegou sem vida ao hospital e o outro foi enviado a Santa Casa de Sobral chegando lá sem vida.

Com todo os dados em mãos a equipe fez deslocamento a Delegacia Regional de Canindé para realizar os procedimentos legais.

Foram apreendidos uma pistola e um revólver com a dupla.

De acordo com informações, Diogo estava portando documentos falsos em nome de Francisco Eduarte da Silva. Diogo era considerado um indivíduo de alta periculosidade e tinha uma ficha criminal bastante extensa com passagens pela polícia por tráfico de drogas, porte de arma de fogo, organização criminosa, além de ser suspeito de vários homicídios em Santa Quitéria.

Repórter: Gonçalinho Rodrigues

Postar um comentário

0 Comentários