Prefeito de Ipu faz acordo com Promotor e carnaval pode ser mantido

Após protocolação de pedido do Ministério Público do Ceará (MPCE) de cancelamento do Carnaval 2019 que seria promovido pela Prefeitura de Ipu, o Prefeito Sérgio Rufino se reuniu com o MPCE e se dispôs a criar um acolhimento institucional em pelo menos dois meses para crianças e adolescentes e situação social crítica.

O caso foi considerado assunto de prioridade por parte do MPCE e sugerido anteriormente à gestão para que fosse dada a atenção. O prefeito se dispôs a colaborar com o Ministério Público em reunião ocorrida com a promotoria na manhã desta quarta-feira (27).

Com a colaboração do gestor municipal, o promotor Dr. Maxwell França afirma que a ação movida antes pelo MPCE perdeu o objeto, ou seja, o órgão público de justiça não se posiciona mais contra a promoção do Carnaval que deverá ser realizado neste ano, entretanto, a solicitação deverá ser apreciada pela justiça que fará a decisão final.

Repórter: Nathan Loiola

Postar um comentário

0 Comentários