centered image

Blogueiro que usava as redes sociais para ameaçar e extorquir pessoas é preso no Ceará


Investigações ininterruptas da Polícia Civil do Estado do Ceará (PC-CE) resultaram, nesta terça-feira (14), na prisão temporária de um homem de 26 anos. O suspeito, que possui uma conta em uma rede social para divulgações, é investigado por ameaçar, difamar e extorquir seus seguidores. A captura do blogueiro ocorreu no município de Massapê. Além da prisão, um mandado de busca e apreensão, em desfavor dele, também foi cumprido pelos policiais civis. Celulares foram recolhidos para dar continuidade ao trabalho investigativo.

Segundo informações policiais, Vitor da Silva Oliveira (25), que até então não possuía antecedentes criminais, aplicava seus crimes por meio de um perfil de divulgação sobre o município de Massapê. Com base no que foi colhido em Boletins de Ocorrência (B.O) registrados pelas vítimas, Vitor entrava em contato com elas dizendo possuir conteúdos íntimos e informações constrangedoras, e caso não depositasse uma quantia em dinheiro, ele usaria esse perfil para expor questões pessoais delas.

O blogueiro, que chegou a receber cerca de R $2.700 de uma das vítimas, escolhia seus alvos com base na sua condição financeira e posição de status do município, como empresários, donos de comércios e outros influenciadores digitais. Ainda, segundo o que foi apurado, Victor usava contas de pix de terceiros, como forma de dificultar sua identificação. Com isso, as autoridades policiais representaram pela prisão temporária dele, bem como pelo recolhimento de alguns objetos que ajudarão no trabalho policial.

As decisões judiciais foram cumpridas na manhã de hoje, em sua residência, no bairro Centro, em Massapê. Com isso, ele foi conduzido à Delegacia Municipal de Massapê. Na unidade foram realizados todos os procedimentos policiais. Ele responderá pelos crimes de ameaça, difamação, falsidade ideológica e lavagem de dinheiro.
Denúncias

A população pode contribuir com as investigações repassando informações que auxiliem os trabalhos policiais. As denúncias podem ser feitas para o número 181, o Disque-Denúncia da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), para o (85) 3101-0181, que é o número de Whatsapp, por onde podem ser feitas denúncias via mensagem, áudio, vídeo e fotografia.

As denúncias também podem ser repassadas para o (88) 3643-1026, da Delegacia Municipal de Massapê. O sigilo e o anonimato são garantidos.

Ascom SSPDS

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem