TRE absolve chapa de prefeito e vice, e Ipaporanga não terá novas eleições

 

Em sessão do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) ocorrida na manhã desta sexta-feira (27), pelo  total 5 votos contra 2, foram absolvidos a chapa eleita nas eleições 2020 em Ipaporanga, Amaro Pereira e Cleoto Bezerra, ambos do PT, respectivamente prefeito e vice de Ipaporanga. A decisão foi contra o parecer do Ministério Público Eleitoral. Entretanto, o ex-prefeito Toinho Contábil terá que pagar multa de R$ 20 mil por conduta vedada.

A chapa foi julgada após recurso protocolado por abuso de poder econômico, pois a acusação argumenta que eles teriam sido beneficiados tendo nomes promovidos em eventos institucionais da prefeitura, que tinha Toinho Contábil, do mesmo partido, como gestor aliado dos pretensos candidatos. 

Nos eventos, transmitidos por páginas institucionais da prefeitura nas redes sociais, foram sorteados geladeiras e até motocicletas, tendo total gasto de R$ 150 mil para aquisições das premiações. 

NATHAN LOIOLA

Postar um comentário

0 Comentários