Mulher denuncia que foi vítima de racismo ao ser chamada de "negra encardida" em Tamboril


Uma mulher compareceu na manhã de quarta-feira (25) na Delegacia de Polícia Civil de Tamboril, para registrar Boletim de Ocorrência em que narra que foi vítima de racismo. 

Nayane Oliveira Lima, 21 anos, residente no distrito de Holanda, zona rural do município, registrou que foi para a residência de sua irmã em outra localidade quando foi abordada por outra mulher, identificada como "Leide", que seria vizinha de sua irmã, e teria sido ofendida com os dizeres "vai tomar banho negra encardida, cachorra, vagabunda". 

O caso deverá ser investigado pela Polícia Civil.

Com Gonçalinho Rodrigues

Postar um comentário

0 Comentários