Folha admite erro em reportagem sobre vacinas vencidas


A Folha de S. Paulo publicou nesta terça-feira (6) uma matéria em que admite que houve um equívoco na reportagem sobre a aplicação de 26 mil doses de vacinas da AstraZeneca com prazo de validade vencido.

O veículo, que levou em conta dados levantados pela pesquisadora Sabine Righetti, da Universidade de Campinas (Unicamp), admite que não considerou que os dados do DataSUS poderiam estar desatualizados. Na reportagem havia uma afirmação de que “Milhares no Brasil tomaram vacina vencida contra a Covid; veja se você é um deles””.

Segundo a Folha, “a diferença entre as versões é que, na primeira, estava embutida a suposição de que os dados do DataSUS constituem retrato fiel da realidade, ao passo que, na segunda, não há essa suposição”.

O veículo foi bastante criticado por trazer tal afirmação sem checar com as prefeituras se houve, de fato, essa aplicação de doses vencidas. O jornal trazia um levantamento que mostrava em quais cidades isso teria ocorrido e gerou alarme na população. Em nota, a grande maioria dos municípios negou a ocorrência.

A matéria original do veículo foi alterada.

Revista Fórum

Postar um comentário

0 Comentários