Ex-prefeito de Nova Russas é condenado por Improbidade Administrativa



O Tribunal de Justiça do Estado do Ceará (TJCE) manteve segunda-feira (26), a condenação do ex-prefeito do de Nova Russas, Marcos Alberto (PSD), a devolução de recursos ao erário, conforme voto do desembargador Teodoro da Silva Santos, relator da apelação do réu que havia sido julgado culpado de desvio de recursos públicos quando era gestor.

Ele terá que devolver aos cofres da Prefeitura a importância de R$ 57.226,99 e pagar uma multa do mesmo valor de R$ 57.226,99, além de não poder participar de disputas políticas por cinco anos.

A Ação de Improbidade Administrativa foi de iniciativa do próprio Município que, após a administração do condenado, ficou impossibilitado de fazer convênios com o Governo do Estado do Ceará pelo fato de o ex-prefeito não ter prestado legalmente contas de recursos recebidos da Secretaria de Segurança. 

Ele foi eleito no pleito de 2008 e está inelegível por ser alcançado pela Lei da Ficha Limpa.


Postar um comentário

0 Comentários