728x90

centered image

Comerciante recebe nota falsa de 100 reais em Quiterianópolis


O comerciante Antônio Vieira Lopes, proprietário da farmácia Estrela, em Quiterianópolis, procurou a imprensa local para informar ter recebido uma cédula falsa de R$ 100, em seu estabelecimento.

Conforme o comerciante, ele só tomou conhecimento do prejuízo quando, nesta quinta-feira,08, repassou um dinheiro para uma cliente e esta foi a casa lotérica da cidade para fazer pagamentos. No dinheiro que a cliente havia recebido de Antônio, a atendente da lotérica identificou um a cédula de R$ 100, falsa.

Conforme Antônio Lopes, logo que tomou conhecimento do fato, se dirigiu a casa lotérica, solicitou a cédula falsa e se dirigiu a Delegacia de Polícia Civil para comunicar oficialmente o ocorrido. “Não consegui registrar o Boletim de Ocorrência (BO) e por isso achei necessário comunicar o fato à imprensa local, visto que pode haver outras cédulas falsas circulando em nossa cidade e outras pessoas podem ser lesadas”, explicou.

Como proceder no caso de receber uma cédula suspeita


a) de um terminal de auto-atendimento ou caixa eletrônico:

b) Dentro de uma agência bancária e durante o expediente - encaminhar-se ao gerente da agência para pedir providências de pronta substituição. Se não obtiver solução satisfatória com o gerente do banco, o cidadão pode procurar uma delegacia policial mais próxima para registrar uma possível ocorrência.

Ou

Fora de uma agência ou do horário do expediente bancário - na primeira oportunidade, dirigir-se ao gerente de sua agência bancária para pedir providências de pronta substituição. Se não obtiver solução satisfatória com o gerente do banco, o cidadão pode procurar uma delegacia policial mais próxima para registrar uma possível ocorrência.

b) numa transação do dia a dia:

Se você desconfiar da autenticidade de uma nota após observar os elementos de segurança ou comparar com outra cédula legítima, você pode recusá-la. É importante sempre recomendar ao dono do exemplar suspeito que procure uma agência bancária para encaminhamento da nota para ser analisada pelo Banco Central.


Repórter Cícero Lacerda

Postar um comentário

0 Comentários