Polícia Militar prende dupla suspeita de tentativa de furto na agência da Caixa em Ipueiras

A Polícia Militar de Ipueiras foi informada de que dois homens que trafegavam em um carro VW/Polo Sedan estariam no interior da agência da Caixa Econômica Federal de Ipueiras com atitudes suspeitas, por volta das 8h30 de domingo (11).  A composição se deslocou até a agência e se deparou com o primeiro suspeito, momento que a senhora Antônia Juliana Eleutério Mendes, 36 anos, se aproximou dos policiais e informou que o suspeito havia lhe dado um boleto bancário e dito que a mesma teria que ir à agência para “resolver” o débito junto ao infrator.

Diante da situação suspeita, os policiais informaram que fariam a condução do indivíduo à Delegacia Regional de Polícia Civil de Crateús, momento que passou a apresentar versões desencontradas dos fatos.

Questionado sobre a presença de um segundo envolvido, negou que estivesse acompanhado. Após diligências pela cidade, o segundo suspeito foi localizado em um posto de gasolina, na saída de Ipueiras para Nova Russas. Segundo testemunhas no local, este estava tentando fretar um táxi que o levasse à cidade de Crateús.

Questionado sobre a existência de algum material ilícito em seu poder, confessou que estava de posse de pelo menos 17 cartões bancários, mas que havia dispensado em um lixeiro próximo ao Banco do Brasil.

A composição foi ao local, encontrou os cartões e diante dos fatos conduziu os suspeitos, que são irmãos, à Delegacia Regional de Polícia Civil da Cidade de Crateús, onde Francisco Misael Fernandes Moura, 54 anos, foi autuado por tentativa de furto mediante fraude, e Francisco Ilton Fernandes de Moura, 53 anos, foi autuado por tentativa de furto mediante fraude e corrupção ativa.

Ambos têm extensa ficha criminal, e Ilton tentou subornar os PMs, oferecendo R$ 3 mil reais para cada para ser liberado. Ele também foi autuado por este crime pelo Delegado Dr. Kaio Davis.

Os suspeitos residem na cidade de Novo Oriente.

Com informações da Segunda Cia/Sétimo BPM.

Postar um comentário

0 Comentários