Academias são reconhecidas como serviço essencial em Crateús

 Sancionado no dia 30 de março, projeto de lei que torna as academias de ginástica como serviço essencial. 

De acordo com o presidente da associação, Luíz Felipe, é um grande anvanço para o seguimento e para população, pois a prática de exercícios ajuda na imunidade contra o coronavírus. 

Mesmo com aval do município, academias deverão continuar seguindo decreto estadual, sendo que o atual vigente permite funcionamento com 25% da capacidade. 

O projeto foi articulado pela Associação dos Profissionais de Educação Física de Crateús (APEFIC), com assessoria jurídica do advogado Marx Nairo. 

Confira entrevista com Luiz Felipe no vídeo:



Postar um comentário

0 Comentários