A madrugada desta terça-feira,02, foi de humilhação, pressão e medo para quatro irmãos idosos, residentes na localidade Malhada D’areia, zona rural de Quiterianópolis. As vítimas são Escolástica Sousa Lima,67 anos, Marias das Graças de Sousa Lima, 62 anos, Minelvina Rosa de Sousa,75 anos, e José Rosa de Sousa,62 anos.

Por volta das 4h da manhã, os idosos que moram juntos foram surpreendidos por três elementos que pularam o muro da residência e invadiram a casa pelos fundos. Os indivíduos arrombaram a porta da cozinha e derrubaram uma segunda porta, que dá acesso aos outros cômodos da residência.

Conforme a senhora Escolástica, os bandidos estavam armados com facas e pedaços de madeira. “Eram 4h, eu ouvi conversar na cozinha. Me levantei e ele falou de lá que queria dinheiro. Eu falei que não tinha e ele deu um empurrão na porta, que ela caiu, e ele entrou, com uma faca e um pau, dizendo que vinham matar todos quatro [idosos]. Iam matar e queimar a casa também. Diziam que só queriam dinheiro, mas nós não tínhamos dinheiro, final de mês, né?”, relata.

Os assaltantes continuaram pressionando os idosos para que eles entregassem dinheiro e passaram a agredir as vítimas. Os criminosos deixaram arranhões na senhora Milnelvina, deram chutes e uma paulada na cabeça da senhora Maria das Graças e também agrediram o senhor José Rosa.

Móveis, objetos e roupas foram todos revirados pelos assaltantes. Após a ação, os indivíduos desligaram a energia da casa e fugiram em uma moto, em direção a vila de Santa Rita. Só após a saída do trio é que a senhora Escolástica conseguiu buscar ajuda na casa de vizinhos.

Conforme as vítimas, os assaltantes disseram que iriam voltar.

A Polícia Militar foi comunicada sobre a ocorrência e por volta das 9h da manhã os policiais foram ao local.

Repórter Cícero Lacerda