Município de Crateús ganha ação de reintegração de posse contra invasores de terra

A Procuradoria Geral do município de Crateús ajuizou uma ação de reintegração de posse com pedido de medida de liminar contra grupo de pessoas que, no dia 21 abril, instituíram um movimento de invasão e ocupação de área verde no loteamento público localizado no bairro José Rosa, nas imediações do conjunto Vida Nova.

A decisão judicial cita que o grupo seria encabeçado por “Rosiane Nascimento Ferreira”, conhecida como “Tutuca”; “Cristiane”, conhecida como “Tatá”; “Agaci” e “Neide da Socorro”, já teria “acostado” nos terrenos materiais destinados à construção, como areia, barro, tijolos, bem como, já foram demarcados os terrenos com a finalidade de construir casas residenciais, perfazendo uma demarcação totalmente proibida.”

O município, obteve, então, o pedido de liminar deferido nesta terça-feira, 05, “devendo ser concedido prazo de 5 dias para que os invasores desocupem o local e retirem todos os eventuais materiais de construção depositados nos referidos terrenos ocupados”, conforme informa a decisão.

NATHAN LOIOLA

Postar um comentário

0 Comentários