Família crateuense residia em prédio que desabou em Fortaleza

Um prédio de sete andares, Edifício Andrea, desabou na manhã desta terça-feira (15) no cruzamento da Rua Tomás Acioli com Rua Tibúrcio Cavalcante, no Bairro Dionísio Torres, em Fortaleza. Pelo menos uma morte foi confirmada pelo Corpo de Bombeiros. Segundo um socorrista do Samu, estão tentando resgatar um zelador na parte de cima do prédio.

De acordo com informações, uma família natural de Crateús residia no prédio, sendo eles identificados como o pai Paulo Rômulo e o filho Davi Rômulo. No momento do acidente, apenas Davi estava no prédio, mas foi socorrido com vida pelo Corpo de Bombeiros sem gravidade.

O pai, Paulo Rômulo, já foi funcionário da Prefeitura de Crateús, na época da gestão do José Almir.

Nathan Loiola, com colaboração de Cley Petro

Postar um comentário

0 Comentários