Conheça a digital influencer que se destaca na região de Crateús

Nina Brandão. Foto: arquivo pessoal

Com em média 5 mil visualizações por storie no Istagram, a crateuense Nina Brandão (@ninabranndao) vem se destacando na área de influência digital na região.

Nina Brandão, em entrevista concedida ao repórter Nathan Loyola (@portalsertoes), traz detalhes de como se tornou um dos destaques nas redes sociais.

Confira:

Quais as redes sociais que você atua como influenciadora digital?
No momento, só no Instagram. Mas em breve, estaremos com novidades.

Desde quando você atua como Digital Influencer?

No Instagram, ano passado, depois de um desfile em Fortaleza, tinha um canal no YouTube, mas como não tinha tempo, o pessoal ficava me cobrando, acabei apagando tudo (risos)

Porque decidiu ser uma influenciadora digital?

Bom, agora vem o textão.  Tudo começou quando descobri que estava grávida, e o pessoal ficava me falando que minha vida ia acabar depois que minha filha nascesse, podia dar adeus a tudo, trabalho... carreira... tratava uma coisa que estava sendo legal pra mim, como se fosse algo ruim por eu ser nova (tinha 21 anos). Aí eu pensei, “não é bem assim não! Vou provar pra essa galera que pode até ser difícil, mas dá pra conseguir conciliar tudo”. Teve momentos que eu cheguei a creditar que poderia ser verdade, pela dificuldade, já cancelei muitos trabalhos por conta dela, e o pessoal não entende que eu não posso deixar ela com qualquer pessoa ou simplesmente levar ela nas minhas viagens, criança quer o tempo todo a atenção da mãe. Imagina o choro em uma formatura? (risos)

Mas a gente vai se organizando e vai dando tudo certo. Tanto que migrei pro insta pois lá não exige tanto trabalho de edição e eu posso dar atenção a todo mundo, a família, as minhas parcerias, a minha casa, porque também sou dona de casa, ao meu trabalho, as minhas clientes. Migrei ano passado quando fui convidada para esse desfile que eu falei acima, depois disso passei a voltar a minha atenção para o comércio local. O pessoal pensa que tem que começar de cima, com grandes sites e empresas internacionais, já eu acho que tem que começar com o que a gente tem. Temos tanta coisa legal aqui na cidade e na época ninguém dava tanta atenção. Fico feliz que estamos crescendo.

Qual é a sua profissão atual?

Sou fotógrafa, trabalho pra mim, também como freelancer (em formaturas e casamentos) e dou assessoria em marketing para empresas.

Como foi a primeira vez que você recebeu proposta de parceria ou presentes de empresas?

Na verdade, foi acontecendo, comecei a indicar produtos que eu gostava e marcava o empresa. Logo depois a empresa entrava em contato comigo falando que foi legal que surgiram clientes, que queria que eu continuasse postando. Minha primeira parceira foi a Neyse, da FoodFitDetox, logo depois, bem pertinho, o Studio Mais Bela da Jessica Vale, a Loja Bela e Chique da Katia, que era uma loja on-line e agora abriu uma loja física!, surgiu até para a Lis, a Mãe Coruja da Thayla e a Pequeninos e pequeninas da Etevalda. No geral, elas foram crescendo e eu crescendo e foi acontecendo. Isso foi bem legal!

Quais são as suas metas na área para o futuro?

Uma boa parte é segredo ainda, mas o que eu posso dizer é que quero estender o público para mais localidades, quero conhecer mais gente.

Siga Nina no Instagram, é só procurar pelo IG @ninabranndao.