Top Ads

header ads

Cearense pode representar o Brasil em competição internacional de projetos sociais II

[video width="850" height="480" mp4="http://sertoesdecrateus.com.br/wp-content/uploads/2017/07/iguatuense.mp4"][/video]

Kevin Brasil, graduando em Química pelo Instituto Federal do Ceará – campus Iguatu, precisa do apoio popular nas redes sociais para passar para a próxima fase do Evento Nacional da Enactus.  


Empoderar comunidades, desenvolver a qualidade de vida das pessoas e promover o desenvolvimento sustentável. Esses são os pilares da Enactus, organização internacional sem fins lucrativos presente em 36 países que conta com a participação de mais de 65 mil membros em todo o mundo. Para incentivar a inovação de projetos, a Enactus realiza anualmente uma competição nacional com times de todo o Brasil e um torneio internacional com representantes de todo o mundo.


 Em Iguatu, o time da Enactus do Instituto Federal de Educação do Ceará atua há dois anos, desenvolvendo projetos que beneficiam diretamente mais de 1.100 habitantes da região. De forma indireta, estima-se que os projetos desenvolvidos atinjam 3 mil indivíduos. Em reconhecimento a esse trabalho, no Evento Nacional da Enactus, o time de Iguatu é semifinalista em sete prêmios, das 11 categorias concorridas. Todas as premiações são revertidas em ajuda financeira para continuar fomentando ou dar início a novos projetos sociais na região.


 Kevin Brasil, líder do time, ajuda a promover todas essas ações incentivando uma equipe de 15 estudantes voluntários. Ele está na disputa pelo prêmio de Líder Estudante do Ano, promovido pela Nufarm no Evento Nacional da Enactus. Kevin é o único representante cearense na competição e precisa do apoio popular nas redes sociais para concorrer ao Enactus World Cup 2017, em Londres.


Nesta quinta-feira, 6, os perfis no Facebook e Instagram da Enactus Brasil disponibilizaram vídeos dos estudantes que concorrem ao prêmio para votação popular. Os três vídeos mais curtidos, compartilhados e comentados irão para a final da competição nacional, que será realizada nos dias 20 e 21 de julho, no Rio de Janeiro.


 Para ajudar Kevin, as pessoas podem acessar a página da Enactus Brasil (fb.com/enactusbrasil) até as 14h da próxima terça-feira, 11, para curtir, comentar e compartilhar o vídeo de Iguatu. No Instagram @enactusbrasil, os usuários podem marcar amigos, curtir e comentar o vídeo.


 Projetos desenvolvidos


Atualmente o Time Enactus IFCE Iguatu se concentra em três pincipais projetos: 1) O projeto Cooperar, que visa o empoderamento e a formação adequada de 25 catadores de resíduos sólidos de Iguatu; 2) O Projeto Linhas, que abrange 25 mulheres da Associação de Artesãs do Alencar para capacitá-las com cursos de 180 horas de costura e assim oferecer às participantes uma fonte alternativa de renda; 3)  Projeto Mudas, que objetiva apresentar e reproduzir um sistema de irrigação mais eficiente e mais barato para pequenos agricultores.



Além de atender a comunidades rurais, o time também realiza palestras sobre educação ambiental e convivência com o semiárido em escolas particulares e públicas da região, atingindo mais de duas mil crianças. Essa ação educativa, aliada ao outro projeto de extensão do campus “Horta Escolar”, conferiu ao time Enactus IFCE Iguatu o terceiro lugar no Prêmio Agrinho 2016, entre 42 cidades participantes da disputa pela premiação.




Amanda Alboino - IFCE Campus Iguatu